terça-feira, 10 de janeiro de 2017

MST fará protesto contra Ministro em Quixeramobim e afirma que só haverá solenidade se ocorrer liberação de casas populares

Foto: Divulgação
O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) emitiu nota afirmando que fará manifestação contra o Ministro da Saúde, Ricardo Barros, durante a visita que o mesmo fará ao Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), em Quixeramobim nesta quinta-feira, 12.

De acordo com informações da coordenação do MST, o protesto é contra a paralisação da reforma agrária, contra o que eles classificam como ‘golpe’ e pela construção imediata de 600 casas do Acampamento Irmã Tereza, que fica em um terreno em frente ao novo hospital.

De acordo com Toninho, da direção estadual do MST, a ordem de serviço das casas foi assinada por Camilo Santana há mais de quatro anos, época em que Santana comandava a Secretaria das Cidades.  O MST garante que não haverá solenidade se não houver a urgente liberação para construção das casas populares reivindicadas.

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo