quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Centec promove capacitação em coleta de leite para análises em Quixeramobim

Com a inauguração do LabLeite, o novo laboratório de análise de qualidade do leite, a Faculdade Tecnologia Centec (Fatec) Sertão Central, em Quixeramobim, avança para o próximo passo: capacitar os produtores orientando-os na coleta e armazenamento das amostras de leite, de acordo com os procedimentos corretos para ter resultados seguros.

A formação acontecerá na próxima sexta-feira (18), das 8h às 17h, e conta com a parceria da empresa DSM Tortuga, que atua no setor de suplementos nutricionais para animais. Serão abordados os seguintes temas: a importância da análise de leite para a fazenda, instrução para coleta por tanque, por lote e por vaca, principais cuidados na coleta e armazenagem da amostra e prática de coleta de leite em campo.

O curso acontecerá na sala 11 da Fatec, que localiza-se à Av. Geraldo Bizarria de Carvalho, s/n (ao lado da Escola Agrícola. Para mais informações, é só entrar em contato pela faculdade pelo telefone (88) 3441-1320 ou do e-mail fatec_sertaocentral@centec.org.br. (Da Ascom)

Pis/Pasep começa a ser pago hoje

Cerca de 3,4 milhões de trabalhadores começaram a receber o pagamento do sétimo lote do abono salarial dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) 2018-2019, ano-base 2017. Podem receber o benefício os trabalhadores da iniciativa privada nascidos em janeiro e fevereiro e os servidores públicos com final de inscrição 5. A estimativa da Secretaria do Trabalho do Ministério da Economia, é que mais de R$ 2,8 bilhões sejam pagos.

A partir de hoje (17), trabalhadores da iniciativa privada podem procurar a Caixa Econômica Federal. A consulta pode ser feita pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-726 02 07. Para servidores públicos, a referência é o Banco do Brasil, que também fornece informações pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-729 00 01.

Os correntistas da Caixa Econômica Federal, instituição bancária responsável pelo pagamento do PIS (iniciativa privada), tiveram os valores depositados em suas contas nessa terça-feira (15).

Tem direito ao abono salarial ano-base 2017 quem estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2017, teve remuneração mensal média de até 2 salários mínimos e seus dados foram informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor do benefício é proporcional ao tempo trabalhado formalmente em 2017. Assim, quem esteve empregado o ano todo recebe o valor cheio, equivalente a um salário mínimo (R$ 998). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é de R$ 84 – ou 1/12 do salário mínimo –, e assim sucessivamente.

Para os trabalhadores nascidos entre julho e dezembro, o Abono Salarial ano-base 2017 começou a ser pago em 2018. Os nascidos de janeiro a junho realizam o saque em 2019. O prazo final de recebimento para todos os trabalhadores favorecidos pelo programa é 28 de junho de 2019. (Da Agência Brasil)

1 minuto com Sérgio Machado – Políticos e Jornalistas: A relação de uso e descarte!

Não é de hoje que a relação entre políticos e jornalistas não é das melhores. Mas a verdade é que com o passar do tempo essa relação tem se desgastado cada vez mais, principalmente por conta do despreparo e da ingenuidade de muitos profissionais da imprensa, que, aos poucos, passam a confundir o próprio trabalho com a vida pessoal.

E quando isso acontece, o político deixa de ser apenas uma fonte de informação e se torna um amigo pessoal do jornalista. E é aí que mora o perigo, porque esses mesmos políticos passam a usar seus supostos amigos da imprensa para vazar notícias falsas e para publicar aquilo que lhes agrada. E depois de usá-los até onde podem, os descartam sem qualquer constrangimento.

E no fim das contas, quem sai perdendo é o jornalista. Perde a fonte. Perde a reputação. Perde a credibilidade. E em alguns casos, perde até o próprio emprego. Por isso, a mais poderosa receita para evitar ser usado e descartado é: sempre respeite os limites da atuação profissional e não confunda trabalho com vida pessoal.

Fortaleza: Bando invade UPA e assalta pacientes e funcionários

Criminosos invadiram uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Fortaleza e assaltaram pacientes e funcionários, de acordo com testemunhas. O crime foi registrado por câmeras de segurança da UPA do Jangurussu, na noite de terça-feira (15).

Nas imagens, é possível ver o momento em que o rapaz pressiona o vigilante contra a parede. Segundo pessoas que estavam no local, ele pedia a pistola do funcionário, que não portava arma.

Com a movimentação, os pacientes correm e tentam se esconder. Uma mulher que não quis se identificar falou para o assaltante que não tinha nada de valor e deixou o local em seguida.

Segundo as testemunhas, três homens armados roubaram aparelhos celulares, carteiras e dinheiro dos seguranças, pacientes, médicos e acompanhantes. Uma mãe chegou a tirar o tubo de soro do braço do filho para fugir da unidade durante uma ação criminosa.

Já a Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza informou em nota que "o vigilante da UPA do Jangurussu sofreu uma tentativa de assalto frustrada". De acordo com a pasta, a "segurança no equipamento, que funciona normalmente nesta quarta-feira, foi reforçada".

Equipes da Polícia Militar e da Guarda Municipal foram à unidade após o crime. Por causa do assalto, os atendimentos na UPA do Jangurussu chegaram a ser suspensos, mas foram retomados nesta manhã, com policiamento reforçado. (Do G1-CE)

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Nomeação e posse do concurso: MP requer condenação de Ilário Marques por descumprir ordem judicial

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através do promotor de Justiça da comarca de Quixadá Marcelo Cochrane Santiago Sampaio, ajuizou, no dia 15, uma Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa contra o prefeito José Ilário Gonçalves Marques, requerendo a indisponibilidade de bens, no valor correspondente à penalidade de multa civil, que conforme artigo 12, III da Lei de Improbidade Administrativa (LIA), até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente, que é R$ 19.355,65.

A ação foi motivada devido ao descumprimento de ordem judicial pelo prefeito, o qual deveria nomear e empossar todos os candidatos aprovados dentro do número de vagas previstas no Edital nº 01/2016, que regeu o concurso público para o provimento de 754 vagas para diversos cargos. Por meio da ação, o promotor de Justiça espera que o Poder Judiciário condene o promovido pela prática do ato de improbidade previsto no artigo 11, caput e inciso I da Lei n. 8.429/92, impondo suas consequentes condenações previstas no artigo 12, III da mesma lei, quais sejam: ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

O prefeito vem descumprindo a ordem judicial que determinara a rescisão dos contratos de trabalho dos agentes públicos contratados temporariamente para desempenho das funções dos cargos efetivos previstos no Edital nº 001/2016, com exceção de prestadores de serviço gestantes ou em puerpério, bem como a abstenção de renovar ou prorrogar tais contratos de trabalho, enquanto houver candidato aprovado e não nomeado no referido certame; e, por fim, a abstenção da realização de novo concurso público para o preenchimento dos cargos efetivos dispostos no Edital nº 01/2016, até a nomeação de todos os candidatos aprovados no concurso público em questão.

Conforme trecho da ação, em 04/05/2017, fora realizado um procedimento licitatório, cujo objeto foi a “contratação de empresa para prestação dos serviços complementares de limpeza, preservação e conservação do patrimônio público e outros serviços auxiliares junto a diversas unidades gestoras do município de Quixadá/CE”, para atender aos seguintes órgãos: Secretaria de Saúde / Fundo Municipal de Saúde; Secretaria de Educação / Fundo Municipal de Educação; Secretaria de Desenvolvimento Social; Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente; Secretaria de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural; Gabinete do Prefeito; Secretaria de Administração; Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo; Secretaria de Participação Popular, Esporte e Juventude; Departamento Municipal de Trânsito.

Para tanto o município contratou a pessoa jurídica FD Empreendimentos Eireli – ME. Desde então, o município vem ocupando as vagas disponibilizadas no referido concurso com pessoas contratadas por meio da referida empresa, como forma de burlar uma decisão judicial anterior. Segundo o promotor de Justiça, o valor da licitação foi de R$ 4.844.535,61 destinados, também, à terceirização no município.

Operou-se ai novo descumprimento da decisão judicial até então vigente, pois os prestadores de serviços contratados por tempo determinado, inclusive aqueles que serviram aos prédios públicos como o fórum local, foram remanejados para a referida empresa, o que implica uma burla à vedação imposta pela decisão emanada do Poder Judiciário. (Da Ascom)

16 vagas no SINE de Quixeramobim

Acompanhe as vagas disponíveis no mercado de trabalho na unidade do SINE/IDT em Quixeramobim nesta terça-feira, 16:

> Açougueiro - Ensino fundamental completo, com ou sem experiência na atividade.

> Balconista de frigorífico - Ensino fundamental completo, com ou sem experiência na atividade.

> Balconista de padaria - Ensino médio completo, com ou sem experiência na atividade.

> Caixa de supermercado - Ensino médio completo e experiência na atividade.

> Chapista de lanchonete - Ensino fundamental incompleto e experiência na atividade.

> Cobrador - Ensino fundamental completo, experiência na atividade e CNH categoria A.

> Costureira de confecções - Ensino fundamental incompleto e experiência em corte e costura.

> Consultor de vendas - Ensino médio completo, experiência em vendas, possuir moto e CNH categoria A.

> Copeiro de Lanchonete - Ensino fundamental incompleto e experiência com preparação de lanches.

> Auxiliar de linha de Produção (PCD) - Ensino fundamental incompleto (6º anos), disponibilidade de horários e homologação atualizada com CID.

> Garçom - Ensino Fundamental, experiência na atividade e disponibilidade de horários.

> Empacotador - Ensino médio completo, com ou sem experiência na atividade.

> Fiscal de Perdas - Ensino médio completo, com ou sem experiência na atividade.

> Representante comercial Autônomo - Ensino médio completo, experiência com vendas em materiais de construção, disponibilidade para realizar viagens, possuir transporte e CNH correspondente.

> Repositor de Frios - Ensino médio completo, com ou sem experiência na atividade.

> Vendedor de comercio Varejista - Ensino médio completo e experiência em vendas com materiais de construção.

> Vendedor de serviços - Ensino médio completo, experiência em vendas, curso de informática, possuir moto e CNH categoria A.

Informações
SINE/IDT
Rua Dona Francisca Santiago, 30 – Centro – Quixeramobim

Polícia Militar apreende homem em posse de detonadores na cidade de Maracanaú

Uma denúncia anônima levou uma composição do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) à prisão de um suspeito, na cidade de Maracanaú – Área Integrada de Segurança 12 (AIS 12). Ele estava em posse de detonadores e 53 metros de cordel detonante. O flagrante foi realizado na Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco),em Fortaleza, nessa segunda-feira (14).

Após receberem informações acerca de uma residência no bairro Conjunto Industrial, que serviria para armazenar armas, drogas e materiais explosivos, os policiais militares seguiram até a casa de Francisco Eudes Monte da Cunha (36) – com antecedente criminal por furto. Lá, foram recebidos por parentes de Eudes, que permitiram a entrada na casa. Após uma busca no local, os “raianos” localizaramo material suspeito, no forro do imóvel. Foi necessário o acionamento do Esquadrão Antibombas do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) para o manuseio adequado.

Com o apoio de outra equipe da Polícia Militar, a placa da motocicleta utilizada por Eudes foi repassada pela frequência da Ciops, e o homem foi abordado quando transitava pelo município. Ao ser questionado, ele informou que apenas guardava os detonadores, negando ser o proprietário. Eudes foi conduzido para a sede da Draco, onde foi autuado em flagrante pela posse de material explosivo. (Da Ascom)

Recurso do MPCE requer nomeação, posse e exercício de candidatos aprovados em Quixadá

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através do promotor de Justiça da Comarca de Quixadá Marcelo Cochrane Santiago Sampaio, interpôs, no dia 14, um Recurso de Apelação em face de decisão judicial, a fim de que seja determinado ao Município de Quixadá, por meio do prefeito José Ilário Gonçalves Marques, a nomeação, posse e exercício de todos os candidatos aprovados dentro do número de vagas previstas no Edital nº 01/2016, que regeu o concurso público para o provimento de 754 vagas para diversos cargos.

Por meio do recurso, o promotor de Justiça espera que o Poder Judiciário ordene que o prefeito daquele município se abstenha de renovar ou prorrogar contratos de trabalho dos agentes públicos ocupantes dos cargos dispostos no edital 001/2016, enquanto houver candidato aprovado no referido certame ainda não nomeado e empossado. Além disso, todos os contratos de trabalho dos agentes públicos contratados temporariamente para desempenho das funções dos cargos previstos no edital 001/2016, com exceção das prestadoras de serviço gestantes ou em puerpério, devem ser rescindidos, observando-se que o prefeito se abstenha de renovar ou prorrogar tais contratos de trabalho, enquanto houver candidato aprovado no referido certame ainda não nomeado e empossado.

A Ação Civil Pública ajuizada pelo representante do MPCE objetivara a anulação do Decreto nº 016/2017, que invalidou o concurso público do Município de Quixadá regido pelo Edital nº 001/2016 e os atos administrativos decorrentes; a vedação da edição de novo decreto de anulação do referido certame, baseado na mesma fundamentação exposta no Decreto nº 016/2017; a nomeação, posse e exercício de todos os candidatos aprovados dentro do número de vagas previstas no edital que regeu o concurso público.

A ACP também requerera a rescisão dos contratos de trabalho dos agentes públicos contratados temporariamente para desempenho das funções dos cargos efetivos previstos no Edital nº 001/2016, com exceção de prestadores de serviço gestantes ou em puerpério, bem como a abstenção de renovar ou prorrogar tais contratos de trabalho, enquanto houver candidato aprovado e não nomeado no referido certame; e, por fim, a abstenção da realização de novo concurso público para o preenchimento dos cargos efetivos dispostos no Edital nº 01/2016, até a nomeação de todos os candidatos aprovados no concurso público em questão.

Tais requerimentos foram objetos de pedidos em tutela de evidência e, subsidiariamente, em tutela de urgência. Em 30/05/2017, o juiz Jair Teles da Silva Filho, respondendo pela 3ª vara da comarca de Quixadá, apreciando os pedidos feitos na petição inicial, julgou parcialmente procedente os pedidos em sede de tutela de urgência.

Conforme trecho da ação, em 04/05/2017, fora realizado um procedimento licitatório, cujo objeto foi a “contratação de empresa para prestação dos serviços complementares de limpeza, preservação e conservação do patrimônio público e outros serviços auxiliares junto a diversas unidades gestoras do município de Quixadá/CE”, para atender aos seguintes órgãos: Secretaria de Saúde / Fundo Municipal de Saúde; Secretaria de Educação / Fundo Municipal de Educação; Secretaria de Desenvolvimento Social; Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente; Secretaria de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural; Gabinete do Prefeito; Secretaria de Administração; Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo; Secretaria de Participação Popular, Esporte e Juventude; Departamento Municipal de Trânsito.

Para tanto o município contratou a pessoa jurídica FD Empreendimentos Eireli – ME. Desde então, o município vem ocupando as vagas disponibilizadas no referido concurso com pessoas contratadas por meio da referida empresa, como forma de burlar uma decisão judicial anterior. Segundo o promotor de Justiça, o valor da licitação foi de R$ 4.844.535,61 destinados, também, à terceirização no município. (Da Ascom)

Quadrilha é presa após fugir com criança de três anos

Quatro homens e uma mulher foram presos na tarde desta segunda-feira (14) durante uma perseguição após um roubo a uma residência de um comerciante, no município de Jaguaribe, na Região Jaguaribana do Ceará. Junto com o grupo estava uma criança de três anos.

A Delegacia Regional de Jaguaribe (16ª Região) afirmou ao G1 que dois homens armados entraram na residência do comerciante e anunciaram o assalto. Em seguida, os criminosos fugiram levando dinheiro, aparelhos celulares, relógios e joias.

De acordo com a polícia, a Força Tática de Icó e equipes do Raio de Jaguaribe foram acionadas e iniciaram a perseguição. Após uma hora de investigações, o grupo foi interceptado na BR-116, nas proximidades da rotatória do distrito de Icozinho, em Icó. A quadrilha foi presa e todo o material recuperado. O grupo foi encaminhado para a Delegacia de Jaguaribe. A criança ficou sob os cuidados de um parente da mãe.

A polícia apreendeu dois veículos com placas de São Paulo, além de R$ 50 mil, cinco celulares, relógios, joias, um revólver calibre 38 e quatro munições. A Polícia Civil investigará possíveis participações da quadrilha em outros delitos. (Do G1-CE)

Inep divulga notas do Enem na sexta-feira

Nesta sexta-feira (18), mais de 4,1 milhões de estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado terão acesso às notas das provas. O resultado será divulgado na internet, na Página do Participante, e no aplicativo oficial do Enem.

Os participantes terão acesso a quanto obtiveram em cada uma das provas: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação. A nota dos treineiros, aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e fizeram a prova apenas para testar os conhecimentos, será divulgada apenas em março, 60 dias depois dos demais participantes.

A nota do Enem é calculada usando a chamada teoria de resposta ao item (TRI), que não estabelece previamente um valor fixo para cada questão. O valor varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item.

Assim, se a questão tiver grande número de acertos será considerada fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. O estudante que acertar um item com alto índice de erros, por exemplo, ganhará mais pontos por ele.

O Enem foi aplicado nos dias 4 e 11 de novembro de 2018. Desde o dia 14 de novembro, estão disponíveis as provas e os gabaritos oficiais. Também estão disponíveis vídeos com os enunciados e as opções de respostas da videoprova em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgará ainda, em data a ser definida, o espelho da redação, ou seja, detalhes da correção dessa prova. Isso é feito após os processos seletivos dos programas federais. A correção tem função apenas pedagógica e não é possível interpor recurso. (Da Agência Brasil)

Confusão entre torcidas marca pré-jogo de Náutico e Fortaleza em Pernambuco

Um principio de confusão foi registrado minutos antes do confronto entre Náutico e Fortaleza, pela primeira rodada da Copa do Nordeste 2019. A polícia local agiu rapidamente com bombas de efeito moral e balas de borracha.

A briga entre as torcidas organidas dos dois clubes aconteceu nas proximidades do estádio dos Aflitos, na Avenida Rosa e Silva, em Pernambuco. A rivalidade é por conta de uma aliança entre as uniformizadas de Fortaleza e Santa Cruz, que tem como rival o adversário do Tricolor cearense na noite de ontem. (Do O Povo Online)

Com decreto, pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje, 15, no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão comprar até quatro armas de fogo para guardar em casa. O texto regulamenta o registro, a posse e a comercialização de armas de fogo e munição no país, uma das principais promessas de campanha de Bolsonaro.

Citando o referendo de 2005 em que a população rejeitou a proibição do comércio de armas de fogo, Bolsonaro argumentou a necessidade do decreto.

“O povo decidiu por comprar armas e munições, e nós não podemos negar o que o povo quis naquele momento. Em toda minha andança pelo Brasil, ao longo dos últimos anos, a questão da arma sempre estava na ordem do dia. Não interessa se estava em Roraima, no Acre, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina ou Rio de Janeiro.”

O decreto entra em vigor após sua publicação no Diário Oficial da União e refere-se exclusivamente à posse de armas. O porte de arma de fogo, ou seja, o direito de andar com a arma na rua ou no carro não foi incluído no texto.

Critérios

Os cidadãos deverão preencher uma série de requisitos, como passar por avaliação psicológica e não ter antecedentes criminais. O que muda com o novo decreto é que não há necessidade de uma justificativa para a posse da arma. Antes esse item era avaliado e ficava a cargo de um delegado da Polícia Federal, que poderia aceitar, ou não, o argumento.

“E o grande problema que tínhamos na lei é comprovação da efetiva necessidade, isso beirava a subjetividade, então, bem costurado, o senhor ministro [da Justiça] Sergio Moro, o senhor ministro, também Fernando, da Defesa, entre outros, chegamos à conclusão de que tínhamos, sim, como não driblar, mas fazer justiça com esse dispositivo previsto na lei, de modo que o cidadão pudesse, então, sem a discricionariedade, obter, observando alguns outros critérios, a posse da sua arma de fogo”, disse Bolsonaro.

Além de militares e agentes públicos da área de segurança ativos e inativos, poderão adquirir armas de fogo os moradores de áreas rural e urbana com índices de mais de 10 homicídios por 100 mil habitantes, conforme dados do Atlas da Violência 2018, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Donos e responsáveis por estabelecimentos comerciais ou industriais também poderão adquirir o armamento, assim como colecionadores de armas, atiradores e caçadores, devidamente registrados no Comando do Exército.

Limites

O limite de quatro armas poderá ser flexibilizado, caso o cidadão comprove a necessidade de adquirir mais, como, por exemplo, ser possuidor de mais de quatro propriedades rurais ou urbanas.

“Na legislação anterior se poderia comprar meia dúzia de armas, mas na prática não poderia comprar nenhuma, ou então era muito difícil atingir esse objetivo. Com a legislação atual, pode-se comprar até quatro, e ele, preenchendo esses requisitos, cidadão de bem, com toda certeza, poderá fazer uso dessas armas”, afirmou o presidente.

De acordo com o decreto, caso na residência haja criança, adolescente ou pessoa com doença mental será necessário apresentar uma declaração de que existe um cofre ou outro local seguro com tranca para o armazenamento da arma.

Registros

O registro e a análise da documentação continuam sob responsabilidade da Polícia Federal, mas, segundo Bolsonaro, futuramente, de acordo com a demanda, poderá haver convênios com as polícias militares e civis para esse trabalho.

O prazo para a renovação do registro da arma de fogo passará de cinco anos para 10 anos. Os registros ativos, feitos antes da publicação do decreto, estão automaticamente renovados pelo mesmo período.

Do Repórter Ceará – Agência Brasil

Prefeitura de Canindé realiza modernização no Cadastro Único da Secretaria da Assistência Social do município

A Prefeitura de Canindé realizou modernização no espaço que atualmente é utilizado para o Cadastro Único da Secretaria de Assistência Social do município.

A prefeita Rozário Ximenes visitou as instalações da unidade nesta terça-feira, 15, e ressaltou a importância da informatização do local: “Antigamente era tudo manual, e hoje conseguimos informatizar o setor, garantindo assim a agilidade no atendimento a população, fazendo com que as filas sejam zeradas”, ressaltou a gestora.

Rozário esteve acompanhada da coordenadora do Cadastro Único, Marillac Ximenes e do Secretário da Assistência Social, Márcio Sousa.

Confira o vídeo:

Suspeito ateia fogo em casa de ex-companheira em Milhã por não aceitar separação, afirma Polícia

Uma mulher teve a casa incendiada pelo ex-marido no distrito de São Bento, zona rural de Milhã, na noite de segunda-feira, 14. Segundo a Polícia Militar do município, o homem não aceita a separação.

Ainda de acordo com informações policiais, ninguém estava em casa no momento do ocorrido, e os danos foram apenas materiais. Logo após a ação, o suspeito conseguiu fugir e ainda não foi capturado.

Por meio de nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) confirma a ocorrência de incêndio, mas afirma que ainda não é possível garantir que se trata de uma ação criminosa. As investigações do caso estão a cargo da Polícia Civil.

Do Repórter Ceará com informações do Diário do Nordeste

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

51.222 eleitores de Quixeramobim ainda não realizaram biometria; Chefe do Cartório Eleitoral alerta para prazo

Quixeramobim foi um dos últimos municípios do Estado a iniciar o processo de biometria de seus eleitores. Segundo o chefe do Cartório Eleitoral local, Valderez Queiroz, o fato se deu por questão de espaço físico inadequado no Fórum Desembargador José Pires de Carvalho, onde o mesmo funcionava.

A mudança de local só foi possível no início de fevereiro de 2018 quando passou a funcionar na Rua Dr. Miguel Pinto, número 423, no Centro. Valderez revelou que dos 56.423 eleitores aptos a votarem no município, ainda restam 51.222 comparecerem ao local para realizar o procedimento. O prazo se estende até novembro deste ano, depois disso, os títulos de quem não compareceu serão cancelados.

Documentos necessários 
Para ser atendido o eleitor deverá levar um documento oficial com foto, a exemplo de RG, CNH, carteira profissional, passaporte, carteira de reservista ou certificado de alistamento militar original, além de um comprovante de residência recente. Aqueles que tiveram os dados cadastrais alterados, por entre outros motivos, casamento ou separação, devem levar um documento comprobatório de alteração das informações.

Atenção também para os que vão fazer a primeira via do título: homens com idade entre 18 e 45 anos devem levar o comprovante de quitação militar. A CNH (Carteira Nacional de Habilitação) não é válida como documento de identificação para o alistamento eleitoral, por não conter nacionalidade/naturalidade, assim como o modelo antigo de passaporte, por não conter a filiação.

Vale lembrar aos eleitores que já fizeram o cadastramento biométrico que não precisam retornar aos postos de atendimento para passar pelo procedimento novamente.

Agendamento
A Justiça Eleitoral disponibiliza o número telefônico 148 ou, se preferirem, podem se dirigir a sede do Cartório Eleitoral para realizar o agendamento. (Da ASCOM)