quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Festival transforma realidade do sertão de Madalena com muito Rock


O último sábado, 29, reservou uma noite memorável a todos os amantes do Rock do Sertão Central cearense. O quarto MadaRock, ocorrido na cidade de Madalena, proporcionou além de muita música, um encontro com a arte e artistas locais.

Segundo os organizadores, a ideia do evento surgiu a partir de uma crise cultural/musical vivida na pequena Madalena. O evento vem em crescente, e na edição deste ano trouxe bandas em destaque no Ceará e despontando para o Brasil inteiro, como a “No Side”, primeira atração da noite.

Responsável por aquecer a galera, a banda trouxe vários sucessos da música brasileira. Na sequência, quem comandou o show foi à pedra branquense, “Laddo B”. Remanescentes de edições anteriores, a banda animou o público com o melhor do Rock nacional. A terceira e uma das mais esperadas, “Rocca Vegas”, incendiou o público com uma grande performance.

A penúltima apresentação foi a do quixadaense Neto Inácio e “Alma Perdida”. Com um repertório que inclui autorais e covers, a banda fez uma verdadeira releitura de músicas de artistas conhecidos, como Fagner e Belchior, por exemplo. Encerrando a noite a banda de metalcore “In No Sense” cantou os sucessos de seu álbum de trabalho “Despertar”.

Arte, cultura e turismo no Madarock
O principal objetivo do MadaRock é incentivar a cultura da cidade além de abrir espaço para grupos e artistas locais e regionais, mantendo acesa a cena musical alternativa. Nesta edição, buscando desempenhar um papel social mais presente, foi desenvolvido um calendário cultural que entrou em ação no mês de junho e teve final dia 29 de julho.


Dentre as atrações desenvolvidas neste período aconteceram apresentações musicais nos bairros e nas escolas da rede municipal, além de palestra e workshop. Outra atividade desenvolvida neste período incluiu passeio turístico com visitação à Casa da Pedra. Em 29 julho ainda teve construção e exposição de obras de artes dos artistas locais reconhecido no âmbito regional, Farney Castro e Pedro Paulo.


De acordo com Farney Castro, desde o ano passado os organizadores do MadaRock e Parabolização (evento anual destinado a valorização da arte e cultura madalenenses), resolveram misturar os dois eventos, levando mais arte e cultura ao MadaRock e mais rock a Parabolização. 

O legado
Mesmo com muito trabalho e pouco apoio, os organizadores sentem-se realizados ao final da conclusão de cada evento, pois a sensação de dever cumprido é eminente. Para Adauto Barros, organizador do evento: “Proporcionar a valorização de aspectos tão importantes para o ser humano é gratificante e aos poucos vai sendo criado um legado de valorização do que é nosso”. (Do Sertão Para Ser Do Ceará)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo