terça-feira, 2 de maio de 2017

Reforma da Praça de São Vicente, reparos no calçamento e melhorias no cemitério ganham destaque no Bairro Monteiro de Moraes

Em mais uma segunda-feira, o programa Ponto de Vista, da Canudos FM 106,7, ouviu os moradores do Bairro Monteiro de Moraes, no quadro “Você, prefeito por um dia”. O assunto unânime entre os participantes foi a situação de degradação da Praça de São Vicente. Há anos, o espaço de muita serventia à comunidade, necessita de reparos e nova roupagem.

Conforme informado por internautas, um projeto de reforma teria sido anunciando pela gestão municipal anterior, o que até hoje nunca saiu do papel. Se estivesse revitalizada proporcionaria mais lazer aos moradores. Outro ponto em destaque é a situação dos calçamentos. As ruas que mais precisam de atenção são: Eliziário Pinheiro (Rua da Coelce), Castelo Branco e Paulo Sarasate.
O Bairro, além de um dos mais populosos do município, abriga o cemitério Nossa Senhora do Carmo, espaço que precisa ser melhorado, conforme informaram os moradores. A cada ano que passa o local fica mais abarrotado de túmulos.

A capela do cemitério, símbolo arquitetônico singular do município, e do país, está com jazigos até os pés (literalmente), com seu entorno totalmente ocupado. Uma das soluções apontadas pelos moradores seria aumentar o Cemitério, utilizando o espaço do antigo Tiro Guerra, que fica ao lado, ou até mesmo a construção de um novo cemitério.

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo