sábado, 15 de abril de 2017

Parasitas encontrados em peixes no Rio Jaguaribe são identificados

Os parasitas encontrados nos peixes da espécie Curimatã, no Rio Jaguaribe, na localidade de Quixoá em Iguatu, interior do Ceará, são do gênero Clinostomum e causam a doença dos pontos amarelos, que pode resultar na morte do animal. Espécies deste gênero de parasita já foram encontradas em humanos no Japão e Coreia do Sul, com localização na região da faringe. No Brasil, houve registro em várias espécies de peixes de água doce.

O laudo foi concluído nesta semana. O Laboratório Central de Saúde Pública do Estado (Lacen) recebeu no dia 30 de março, por meio da Vigilância Sanitária de Iguatu (VSI), amostras de peixes infestados por larvas. Para classificá-los, o Lacen enviou o material o Laboratório de Inspeção e Tecnologia de Pescado, do Departamento de Tecnologia de Alimentos, da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal Fluminense, cujo especialista professor Sérgio Carmona confirmou o parasita e o identificou. (Do O Povo Online)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo