terça-feira, 25 de abril de 2017

STF anula habeas corpus do goleiro Bruno

Os ministros da Primeira Turma do STF (Supremo Tribunal Federal), em reunião realizada na tarde desta terça-feira (25), revogaram o habeas corpus concedido ao goleiro Bruno Fernandes, condenado a 22 anos e cinco meses de prisão pela morte da ex-amante Eliza Samudio. Com a decisão, que teve a maioria dos votos dos magistrados, o atleta volta à prisão.

Após seis anos e meio de detenção, Fernandes foi solto no dia 24 de fevereiro graças a um habeas corpus concedido pelo ministro do STF Marco Aurélio Mello. O ministro considerou excessiva a demora da análise de um recurso apresentado pelos advogados do jogador. O pedido foi enviado à Justiça em 2013 e, até hoje, não foi apreciado. Assim, para o entendimento de Mello, Fernades teria o direito de aguardar o julgamento em liberdade. (Do R7)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo