Banner_Banco_Nordeste

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Sem internet pública, sem lixeiras e sem podas de árvores, Praça do Jaime Lopes é mais um retrato do descaso

A Praça do Bairro Jaime Lopes, em Quixeramobim, é o último espaço da série “As praças do Coração do Ceará”.

Com uma realidade não muito distante dos locais abordados nas edições passadas, a Praça do Jaime Lopes possui iluminação, conforme os moradores, adequada. Contudo, a poda das árvores impede que a luminosidade seja realmente efetiva. Partindo deste ponto, outro problema no espaço é o lixo, sejam eles resíduos ou as inúmeras folhas que caem das plantas, o que também acomete a falta de lixeira.

Outro assunto abordado pelos moradores do Bairro, é a internet gratuita que havia na Praça, que veio a ser retirada pelo Poder Público e não foi restabelecida até este mês.

O Bairro Jaime Lopes, assim como os demais bairros periféricos, é esquecido pela administração pública municipal, e não é de hoje. Carece de ações em prol da comunidade, para o bem-estar dos quixeramobinenses.

Um espaço que contribui tanto para o lazer e à prática de exercícios como as praças, deve ser preservado e valorizado pelos governantes. Investir nestes locais é o mesmo que trazer resultados após tantos impostos pagos pela população.

Os moradores do Bairro Jaime Lopes reivindicam que o Poder Público escute suas vozes, dialogue e faça o melhor pelo local, que cansou de ser desvalorizado por tantos anos.

A série “As Praças do Coração do Ceará” chega ao seu fim. No decorrer das reportagens foi possível acompanhar diversos problemas. Da Maravilha ao Bairro Monteiro de Moraes, são obras inacabadas. Do Conjunto Esperança ao Centro, abandono, lixo, iluminação precária e ausência de serviços de zeladoria.

O retrato que se constatou não foi dos melhores. Que as praças possam ser cuidadas com toda a atenção que o Coração do Ceará merece. (Do Repórter Ceará)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo