Banner_Banco_Nordeste

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Pelo placar de 8 x 6, pedido de impeachment contra Clébio Pavone é arquivado

A Câmara Municipal de Quixeramobim arquivou o segundo pedido de impeachment contra o prefeito Clébio Pavone (SD). A denúncia foi apresentada pelos advogados Carlos Bolivar, Sérgio de Oliveira e Eduardo Cavalcante.

A denúncia aponta que o gestor infringiu a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), além de não ter realizado devidamente os repasses ao Poder Legislativo, bem como, não prestou informações solicitadas pela Câmara.

O presidente da Casa, François Saldanha, preferiu adotar o rito estabelecido por uma Lei Federal que colocou em votação apenas o recebimento ou não do pedido. O que foi negado. Eram necessários 10 votos  para acatar o pedido e a votação ocorreu da seguinte forma:

A favor do recebimento (8 votos):
Antonio Filho
Idelbrando Rocha
Célio Neto
Claudinha Borges
Francisco José (Kim)
Cristina Pimenta
Terezinha Pimentel
François Saldanha

Contra o recebimento (6 votos):
Sebastião do Couto (Cego)
Everardo Junior
Fernando Antonio
Edson Nogueira
Evando Cosmo
Roberlan Saldanha

Abstenção justificada por atestado médico:
José Wilson Paulino

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo