Banner_Banco_Nordeste

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Em escala de 0 a 3, DNOCS classifica como 2 nível de perigo após vistoria na Barragem de Quixeramobim, realizada em 2016

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Quixeramobim conseguiu cópia do relatório de vistoria realizada no dia 31 de outubro de 2016 na Barragem de Quixeramobim, pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS).

O documento foi obtido pela Defesa Civil nesta quinta-feira, 19, e encaminhado à reportagem. O documento aponta nível de alerta quanto à estrutura da Barragem.

“O estado geral da barragem não é bom e precisa de manutenção. É necessário reparar as erosões produzidas pela água no vertedouro. Também é muito importante fazer uma completa reparação dos apoios da ponte do vertedouro. Existe muita ferragem exposta que, com o tempo, pode afetar a segurança da ponte. Recomenda-se controlar o problema de assoreamento da barragem, limpar a entrada da tomada e fazer uma completa reparação das válvulas de controle”, disse a conclusão do documento.

O responsável técnico ainda declarou, naquele ano, que o nível de perigo da barragem de Quixeramobim deve ser classificado como Alerta. A tabela vai de 0 a 3 (0 – Nenhum; 1 – Atenção; 2 – Alerta e 3 – Emergência).

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação / Foto: Relatório do DNOCS

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo