sábado, 9 de fevereiro de 2019

'Meu filho é o que está melhor', diz pai de jogador cearense ferido durante incêndio no CT do Flamengo

O pai do cearense Cauan Emanuel Gomes Nunes, de 14 anos, um dos três jogadores do Flamengo feridos durante um incêndio no Ninho do Urubu, na Zona Oeste do Rio, afirmou que o filho "está bem e não corre risco de morte". Jhonny Emanuel, pai de Cauan, disse que o adolescente morava no CT do Flamengo e que estava em um dos alojamentos no momento do ocorrido, nesta sexta-feira (8). Além de Cauan, o goleiro Dyogo Alves, de 14 anos, é outro cearense entre os feridos no incêndio.

O incêndio no Ninho do Urubu deixou 10 pessoas mortas, incluindo jovens atletas do Flamengo. O Fla-Flu deste sábado, válido pela semifinal da Taça Guanabara, deve ser adiado. Secretário estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Felipe Bornier afirmou que o governo decretou luto de três dias.

As chamas atingiram as instalações onde dormiam jogadores entre 14 e 17 anos que não residiam no Rio. Ainda não há identificação dos mortos. Os bombeiros chegaram a dizer que todos eram adolescentes, mas não há informações oficiais.

O pai do cearense disse ao G1 que ainda estava muito nervoso e que o Clube de Regatas Flamengo ligou de imediato para informar sobre a situação de Cauan, logo após o ocorrido. O jovem foi levado para o Hospital Municipal Lourenço Jorge.

“Ele é um dos três feridos. Graças a Deus, dos feridos, ele é o que está melhor. Bem estável. O Flamengo me ligou avisando o acidente”, relatou, ainda abalado com a notícia.

A ex-presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, disse que visitou Cauan no hospital. “Ele dizia ‘tô com muita fome, tia. Quero comer’. Ele estava bem, estava muito sujo de fumaça, com os dedos queimados de leve, mas estava bem”, relatou Patrícia Amorim.

Emanuel acrescentou que o filho está sendo acompanhado por um familiar, que está dando apoio para o filho no hospital. “No momento eu não recebi mais informações dele. Ele está com a prima da mãe, minha esposa”, disse. O pai deve viajar ainda nesta sexta-feira para encontrar o filho no Rio.

Cauan Gomes é atacante e já atuou pelos times Estação F.C e Santa Cruz, ambos na capital cearense. Emerson Loureiro, que é irmão do jogador Osvaldo, um dos empresários do atleta, disse que o cearense foi hospitalizado após inalar uma grande quantidade de fumaça durante o incêndio. Apesar do ocorrido, segundo Emerson, o jogador está consciente e estável. (Do G1-CE)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo