quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Quixeramobim e o Ensino Médico

Com o título “Quixeramobim e o Ensino Médico”, eis o artigo do Diretor Clínico do Hospital Regional Dr. Pontes Neto, Pedro Henrique Coelho, em relação a notícia de que Quixeramobim não está na lista dos municípios que sediarão o curso de Medicina. Confira:

Há exatos 50 anos, no ano de 1967, dr. Pontes Neto, em parceria com o coordenador da Faculdade de Medicina do Ceará, dr. Waldemar de Alcântara, criaram, no município de Quixeramobim, o primeiro estágio médico rural.

O serviço virou referência. Por aqui passaram grandes nomes, como dr. George Magalhães, referência em clínica médica no Estado do Ceará. O serviço se mostrou tão relevante que, até hoje, o estágio rural é obrigatório por lei a toda faculdade de medicina, graças ao pioneirismo desses dois visionários: dr. Pontes Neto e dr. Waldemar de Alcântara.

Atualmente, o município de Quixeramobim possui uma grande estrutura de saúde, com a instalação do Hospital Regional do Sertão Central, que já funciona UTI, centro cirúrgico e clínica médica e, já está realizando as primeiras hemodiálises com previsão de abertura da Unidade de AVC para o mês de setembro.

E possui também o Hospital Regional Dr. Pontes Neto, berço do estágio rural do Brasil, hospital polo e referência para vários municípios da região. O único do Sertão Central que realiza cirurgias traumatológicas, realiza ainda cirurgias gerais, obstétricas, urológicas, plástica, e, recentemente, incorporado o serviço de cirurgia oftalmológica.

É de se espantar que o município, anteriormente já escolhido em edital para sediar uma faculdade de medicina, com tamanha estrutura ímpar no sertão cearense, tenha sido, conforme declaração extra oficial, mas de importante autoridade nacional, excluído dos municípios que sediarão faculdades de medicina.

Por isso, próxima terça feira, 08, eu e o secretário Rômulo Coelho Filho, iremos a Brasília procurar os meios cabíveis de mostrar tamanha discrepância da realidade. A coordenação política do dia, ficará a cargo do dr. Mauro Benevides que, aliás, desde 2008, aprovou um projeto de indicação, autorizando o governo federal a implantar uma faculdade de medicina em Quixeramobim e se indignou ao saber dessa mudança inesperada. Iremos procurar todas as lideranças políticas do município a se fazerem presentes. Deputado Tomaz Holanda se prontificou a nos acompanhar. Vamos bater na porta de cada deputado votado no município. A hora é para união de todos por essa causa!!!

Em respeito a história de Quixeramobim, em respeito a história dos nossos grandes médicos desbravadores da medicina no sertão, como dr. Pontes Neto, dr. Jose Alves, dr. Antonio Machado, dr. Laerson, dr. Joaquim Fernandes, devemos lutar com toda força por nossa cidade!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo