quarta-feira, 28 de junho de 2017

Após ser denunciado por corrupção, Temer declara guerra a Rodrigo Janot

O presidente Michel Temer (PMDB) abriu o contra-ataque ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, um dia depois de ser denunciado por corrupção.

Em pronunciamento, na tarde de ontem, o peemedebista chamou o documento acusatório de peça de ficção, alegou que a denúncia encaminhada ao Supremo Tribunal Federal é frágil por não conter provas e acusou, indiretamente, o chefe do Ministério Público Federal de estar ligado a irregularidades.

“Nunca vi o dinheiro e não participei de acertos para cometer ilícitos. Onde estão as provas concretas de recebimento desses valores? Inexistem”, disse o presidente ao negar o recebimento da propina da JBS que fundamenta a denúncia. Atacando a Procuradoria, Temer citou a figura de Marcelo Miller, ex-procurador da República, como um possível elo para atos irregulares envolvendo Janot. (Do O Povo Online)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo