sexta-feira, 26 de maio de 2017

Polícia Civil deflagra "Operação Ostentação - Fase II" e prende grupo por lavagem de dinheiro, em Quixadá

Uma ação da Polícia Civil do Ceará, por meio das Delegacias Regional de Quixadá e as Municipais de Quixeramobim e Banabuiú, na manhã desta quinta-feira, 25, resultou na captura de quatro pessoas envolvidas em um esquema criminoso de estelionato e lavagem de dinheiro. As prisões são resultados de uma operação iniciada no último dia 16.

Conforme o delegado Marcus Vinicius, foram presos Marcilio Jorge da Silva Cavalcante, 39 anos, o "Marcilio Voa Dois", sem antecedentes criminais; Marilianny Patricio Nobre, 30 anos, que já foi presa por estelionato pela Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF), em 2016; Osmildo Pereira Brito Neto, 27 anos, mais conhecido como "Bodó", sem antecedentes criminais; e Jone Kello da Silveira Lemos, 29 anos, que já responde um crime de violência doméstica. As prisões ocorreram nos bairros Curicaca, Campo Velho e Centro de Quixadá.

"O grupo chegava a movimentar cerca de um milhão e meio por ano, através de atividades fraudulentas", afirmou Marcus Vinicius. Ainda conforme o delegado, Marcilio e Marilianny são os chefes do esquema criminoso. Já Osmildo servia como "laçador" buscando arregimentar "laranjas" para emprestar contas bancárias para a movimentação criminosa. Um desses laranjas é Jone Kello.

Além das capturas, por força de mandados de prisão, a Polícia apreendeu diversos bens do bando. Foram apreendidos três veículos, jóias, relógios e talões de cheque. A Polícia Civil conseguiu ainda o sequestro de bens (que tem por finalidade apreender o bem do devedor do qual pende litígio) do grupo, como uma casa de luxo localizada no bairro Curicaca.

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo