quinta-feira, 4 de maio de 2017

“Vontade é o que não falta para trabalhar”, afirma novo delegado de Quixeramobim

Na tarde desta quarta-feira, 03, o novo delegado do município de Quixeramobim, André Firmino, concedeu entrevista ao Programa Repórter Ceará, da Rádio Campo Maior AM 840, emissora pertencente ao Sistema Maior de Comunicação.

André, natural de Natal, Rio Grande do Norte, que já atuou quase 13 anos como tenente da Polícia Militar, afirma que “vontade é o que não falta para trabalhar”. O titular da Civil revelou que está satisfeito com a qualidade da equipe de segurança do município, contudo, se preocupa com a quantidade deles. Também mencionou o número de viaturas e possíveis acordos com órgãos terceirizados para a realização de Boletim de Ocorrência (B.O.).

Na entrevista, foi destacada a novidade da Polícia Civil: O uso do WhatsApp para recebimento de denúncias. O delegado afirmou que é “preciso a participação do público” como também ressalta que, através da novidade, anseia aproximar a Polícia da população quixeramobinense.

Com apenas duas semanas a frente da Delegacia, André destacou ações executadas no município e ressaltou que “as próximas operações irão causar grande impacto em Quixeramobim”.

Confira a entrevista:
Repórter Ceará entrevista o delegado de Quixeramobim, André Firmino.
Publicado por Campo Maior Quixeramobim em Quarta, 3 de maio de 2017
Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo