sábado, 29 de abril de 2017

Ato em frente à casa de Temer em SP tem confronto com a PM

Um ato em frente à casa do presidente Michel Temer em São Paulo nesta sexta-feira, 28, foi dispersado após um confronto entre polícia e manifestantes. Por volta das 20h30, a PM começou a atirar bombas de efeito moral contra os manifestantes mais próximos da barreira montada no local para isolar a residência do presidente. Houve correria em direção às ruas vizinhas. A polícia usou bombas, balas de borracha e canhão de água.

Grande parte dos manifestantes recuou em direção à Praça Panamericana. A avenida Fonseca Rodrigues, escura por causa das árvores, facilitou a ação de black blocs. Um helicóptero da PM sobrevoava as imediações. Havia barreiras policiais na esquina da avenida Professor Manoel José Chaves com a praça Panamericana. Com medo da polícia, manifestantes recuaram. Um grande grupo caminhou em direção à Pedroso de Morais, mesmo caminho que tomaram até a casa de Temer.

Vindos do Largo da Batata, em Pinheiros, os manifestantes ficaram a 150 metros da casa do presidente. Aos gritos de "Fora Temer", o carro de som convocava os manifestantes a seguirem até a barreira montada em frente à casa do presidente, para colocarem uma bandeira do movimento e dar o fim simbólico ao ato. A Força Tática da Polícia Militar isolou toda a área. (Do O Povo Online)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo