terça-feira, 28 de março de 2017

Capitão Wagner critica saúde pública do Estado e cita Quixeramobim em pronunciamento na AL

Em pronunciamento na Assembleia Legislativa do Ceará, nesta terça-feira, 28 de março, o deputado estadual Capitão Wagner (PR) falou sobre a crise enfrentada pela saúde no Ceará.

O parlamentar lembrou o anúncio da suspensão de atendimento do Instituto do Câncer (ICC), pelo Sistema Único de Saúde (SUS), devido à falta de repasse de recursos da Prefeitura de Fortaleza. Na sequência, Capitão Wagner falou sobre o Hospital Leiria de Andrade, referência na área oftalmológica, que suspendeu atendimento pelo SUS, e o Pronto Socorro dos Acidentados (PSA), além de citar mais hospitais conveniados que também suspendem os atendimentos por falta do repasse da prefeitura.

Capitão Wagner relembrou que há alguns meses, nos debates, na disputa pela Prefeitura de Fortaleza, as equipes publicitárias mostravam algo que não existe para a população. “Durante a disputa, em outubro de 2016, se gerou uma expectativa na população com uma central de medicamentos, que iria abastecer toda a capital e a partir de então, não enfrentaríamos mais problemas com a distribuição de medicamentos nos postos de saúde. Porém, segundo relatos da própria população, o cidadão que vai aos postos, hoje, não encontra os medicamentos e o tratamento adequado”, explicou.

O parlamentar denunciou que os recursos, na época da campanha, eram destinados para o funcionamento do Hospital de Quixeramobim e foram desviados para a Prefeitura de Fortaleza: “O Ministério Público já está investigando. O reflexo disso tudo é que o prefeito de Quixeramobim perdeu a eleição e o de Fortaleza ganhou,” finalizou.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo