quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

"A Polícia é a maior defensora dos direitos humanos", diz secretário

Durante a cerimônia de troca de comando da Polícia Militar, o titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa ressaltou que o momento agora é de “pouca fala e muita ação”. Sobre as repercussões de fala no último sábado, 28, em que o secretário afirmou que o bandido teria as opções de se render e ser encaminhado à Justiça e a de tentar contra a vida dos agentes e ir para o cemitério, o gestor disse que é natural que haja interpretações diferentes.

“É natural. As pessoas trazem a interpretação que querem. Não preciso explicar o que eu falei, está muito claro. As ações de segurança têm que ser pautadas na legalidade. Tem gente que interpreta de maneira diversa e a gente tem que respeitar, mas tem muita gente com ideias equivocadas”, apontou o titular da SSPDS que, após a solenidade, acompanhou a operação Passageiro Seguro. Na ação, houve abordagens a ônibus, topiques e táxis com base nas estatísticas da SSPDS e dos sindicatos de ônibus, topiques e táxis.

Ainda comentando a repercussão da fala, André Costa ressaltou que a Polícia é “a maior defensora dos direitos humanos”. “É a Polícia quem defende a vida, quem defende a liberdade e o patrimônio das pessoas”, disse.

Comentando as estatísticas de homicídios de janeiro, ele adiantou que o número foi elevado devido à troca de comandos. “Na última troca (janeiro de 2016) também houve um acréscimo. Este mês conseguimos reduzir bastante os crimes de roubo e aumentar a apreensão de armas de fogo”, citou. Não foi informado quando serão divulgadas as estatísticas do mês.

Trocas de comandos 
Houve trocas nos comandos da PM e também na gestão da Polícia Civil. No Batalhão de Choque (BPChoque) assume o tenente-coronel Cícero Henrique Bezerra Lopes. No Comando Tático Rural (Cotar), o major Cleber Ferreira de Mesquita e o Comando de Policiamento com Cães, o tenente-coronel Marcos Franklin. No Comando de Policiamento Especializado (CPE) assume o coronel

Aginaldo Oliveira e o tenente-coronel Keydna Carneiro, como subcomandante.

Já o Comando de Policiamento da Capital (CPC), antes na gestão do tenente-coronel Francisco Souto, agora é coordenado pelo coronel Willamar Lobo Galvão. O coronel Souto assume o Comando de Policiamento do Interior Sul. O tenente-coronel Teófilo Lobo deve deixar comando da 1ª Companhia do 5º BPM.

O coronel Ricardo Moura, que estava no 11º Batalhão de Itapipoca, assume a área da Messejana, em Fortaleza, no 16º BPM.

Na Polícia Civil, o titular do 7º Distrito Policial (DP), no Pirambu, delegado José Jesuíta Barbosa, foi transferido para o 10º DP, no Antônio Bezerra. O delegado Pedro Viana assume como o novo diretor do Departamento Técnico Operacional da Polícia Civil.

“Da mesma forma que o governador me garantiu liberdade para escolher os nomes, de forma coerente passei essa liberdade para o comandante da PM e o delegado-geral. A única coisa que peço é que escolham pessoas que valorizem aqueles que se dedicam à atividade operacional”, ressaltou o titular da SSPDS. (Do Jornal O Povo)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo