quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Brasileiros ocuparão 900 das vagas que eram de cubanos no Mais Médicos

A partir de fevereiro, 900 vagas que antes estavam ocupadas por médicos cubanos no programa Mais Médicos serão preenchidas agora por médicos brasileiros. O último edital de seleção do programa, lançado em novembro, ofertou 1.390 vagas, das quais 1.378 serão ocupadas por médicos com registro profissional no Brasil. As 12 vagas remanescentes serão ofertadas novamente a médicos com registro no país em segunda chamada, prevista para o começo de fevereiro.

Desde que assumiu o cargo, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, disse que uma das prioridades de sua gestão era a substituição dos profissionais cubanos por brasileiros. Atualmente, das 18.240 vagas do programa, 62,6% são ocupadas por cooperados cubanos, 29% por brasileiros formados no Brasil e 8,4% estrangeiros e brasileiros formados no exterior.

A meta da pasta é substituir 4 mil médicos cooperados por brasileiros em três anos e, assim, reduzir de 11,4 mil para 7,4 mil participantes cubanos. A expectativa é chegar a 7,8 mil brasileiros no Mais Médicos, representando mais de 40% do total de profissionais.

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação com informações da Agência Brasil

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O blog Quixeramobim Agora é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.

Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.

Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: jornalismo@sistemamaior.com.br.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo